29/01/2019

Paróquias em Bambuí se unem para celebrarem Festa de São Sebastião

As Paróquias Sant’Ana, Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora das Graças em Bambuí, se uniram para a realização da festa à São Sebastião. São Sebastião é o santo devotado principalmente pelos fazendeiros que sempre doam prendas como bezerros para os leilões. Neste ano, houve novenas e missa nas comemorações ao santo.

A festa foi celebrada entre as três paróquias de Bambuí. A missa de abertura foi presidida pelo vigário geral da diocese, padre Antônio Campos Pereira e concelebrada pelos párocos de Bambuí.


Os fiéis participaram ativamente dos nove dias da novena, que foi realizada nos dias 07 a 20 de janeiro, nas comunidades rurais, urbanas. No dia 20, Dia de São Sebastião, a festa, iniciou com a celebração da Santa Missa pela manhã, após, houve cavalgada e missas a tarde no Parque de Exposições, onde foi realizado o leilão de animais.

Fotos


São Sebastião


São Sebastião nasceu na França, no século III. Adolescente, em Milão, alistou-se no exército de Diocleciano, chegando a ser o comandante da guarda pessoal deste imperador. Denunciado por outros soldados, por ser cristão, Sebastião foi condenado à morte, sendo executado por centenas de flechas atiradas por outros soldados, estando Sebastião amarrado a um tronco – esta é a imagem mais conhecida deste santo. Como não morreu, voltou a pregar o cristianismo, o imperador então mandou que fosse espancado e, depois de morto, jogado no esgoto público de Roma, mas o corpo foi achado e sepultado por outra cristã.

Em 680, por época da trasladação dos restos mortais para uma basílica construída pelo imperador Constantino, a peste epidêmica que assolava Roma cessou, por isso ele é conhecido como protetor contra epidemias, guerras e fome.

Desenvolvido por: logo celula